Novidades

Bate-Papo com a Rocket.Chat - AMA (Ask Me Anything)

por Michele Pisoni -
No dia 22/12 (3a) a partir das 19h teremos um evento chamado AMA (Ask Me Anything) ou “pergunte-me qualquer coisa”. Esse tipo de evento é um espaço para você trazer suas dúvidas e aprimorar seus conhecimentos de uma forma muito efetiva, direta e informal. É um formato adotado que ganhou força com os usuários do Reddit.
 
O nosso AMA será com 3 ex-alunos, formados em TI na Faccat e que trabalham na empresa Rocket.Chat (https://rocket.chat/pt-br/), que é uma plataforma de comunicação para equipes, de código aberto, uma alternativa ao Slack.
 
Já é um software de sucesso usado por empresas como: Audi, Sicredi, Faccat... seus produtos são comercializados em mais de 150 países e tem funcionários em mais de 7 países. Os nossos ex-alunos que participarão do bate-papo, são daqui da região e continuam morando aqui e trabalhando remotamente para essa empresa.
 
Nesse AMA a ideia é possibilitar a todos nós participantes fazer qualquer pergunta a respeito da trajetória deles (funcionários da empresa), da própria empresa, tecnologias utilizadas, como se organizam para trabalhar remotamente, como se organizam nos trabalhos em equipe, se trabalham com música ou no silêncio, trabalham no quarto, na sala, em casa, como entraram na empresa, enfim, qualquer curiosidade que você tenha a respeito da empresa, ou em relação aos próprios funcionários, ou ainda dúvidas técnicas.
 
 
 
Rocket.Chat é usado por empresas e indivíduos de uma variedade de setores, desde educação e tecnologia a serviços financeiros, sem fins lucrativos, governamentais e públicos. Rocket.Chat Marketplace foi lançado em setembro de 2018, permitindo aos usuários criar, navegar e baixar aplicativos no mais novo ecossistema de aplicativos do Rocket.Chat, permitindo fácil personalização da plataforma com uma variedade de plug-ins, temas e integrações com outros softwares importantes. 
 
Mais informações sobre a empresa, além do próprio site:
 
Rodrigo Nascimento
  • Graduado em Sistemas de Informação pela Faccat em 2019, é CTO e co-fundador da Rocket.Chat, plataforma de código aberto focada em comunicação de times e atendimento a usuários via desktop ou celular, oferece versões auto-gerenciadas e na nuvem.
  • Rodrigo co-fundou a Rocket.Chat em 2015 e hoje é responsável por sua àrea de tecnologia, é apaixonado por ferramentas de colaboração, programação, código aberto e novas tecnologias. Antes da Rocket.Chat, Rodrigo trabalhou para a Konecty como Full-Stack Developer e fundou a Carddi, uma startup com o objetivo de trazer informações sobre restaurantes para as pessoas.
Renato Becker
  • Graduado em Sistemas de Informação pela Faccat (2017) e com longa experiência em desenvolvimento de software e gerenciamento de Banco de Dados.
  • Atua como Gerente de Produtos na Rocket.Chat, onde é responsável por um dos produtos da plataforma, chamado Omnichannel.
Diego Mello
  • Graduado em Sistemas de Informação pela Faccat, é Líder do time de mobile na Rocket.Chat.
  • 12 anos de experiência com desenvolvimento de softwares, sendo 5 deles diretamente com aplicações móveis.
  • Trabalhando diariamente para entregar uma experiência fluida e prazerosa aos nossos usuários.
========================================================
QUEM PODE PARTICIPAR?
  • Qualquer pessoa que tenha interesse pela área de TI e/ou curiosidades a respeito da Rocket.Chat. É aberto ao público em geral, não precisa ser aluno da Faccat. É totalmente gratuito!
 
COMO PARTICIPAR?
========================================================
  
Link para a Planilha onde escrever as perguntas: 
 
 Link para Sala no Google Meet (22/12 - 19h):

Apresentação dos Novos Representantes Discentes dos Cursos de TI   

por Michele Pisoni -
No dia 07/11 ocorreu a live de passagem de cargo dos até então atuais representantes para os novos que foram eleitos, e que terão o mandato de 1 ano.
 

Alunos e professores participaram da live para prestigiar e conhecer os novos representantes discentes.

  • Sistemas de Informação: Douglas Bedin para Iasmin Hahn Oliveira e Francine Beschorner Gonsalves (vice-representante).

  • Sistemas para Internet:  Régis Erthal para Daiana da Silva.

  • Jogos Digitais: Eliton Dioni Oliveira da Silva para João Paulo Arnold Barros.

Campanha de Descarte do Lixo Eletrônico - Faccat  

por Michele Pisoni -

Começa a campanha do Lixo Eletrônico  

Ao mesmo tempo que surgem novidades eletrônicas, por conta do avanço das tecnologias, o lixo desse tipo de material só aumenta, causando diversos problemas, principalmente para o meio ambiente. Pensando em amenizar tais situações, há 10 anos, as Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), por meio do curso de Ciências Contábeis, realiza a campanha coleta do Lixo Eletrônico. Este ano, a campanha segue até o dia 11 de dezembro. De acordo com o Vice-Diretor Adm.Financeiro e coordenador do curso de Ciências Contábeis, Sérgio Nikolay, a campanha iniciou com o intuito de conscientizar a comunidade acadêmica e geral a participar da atividade de movimento pró meio ambiente. “A ação despertou interesse de todos e acabou se concretizando numa campanha institucional da Faccat. A campanha tem como pilares a conscientização, participação ativa, contribuição ao meio ambiente, destino correto do lixo eletrônico e a sustentabilidade", explica Nikolay. Desde de 2010 já foram para o descarte correto mais de 14 mil equipamentos.  

Lixo Eletrônico e Ponto de coleta

O ponto de coleta é no campus da Faccat, no térreo dos blocos B e C, até 11 de dezembro.

Interessados podem descartar aparelhos de som, câmeras, TVs, computadores, telefonia, impressoras, entre outros materiais.

“É importante salientar que qualquer pessoa física ou jurídica pode participar desses descartes, pois além de estarem exercendo o papel de cidadão em prol do bem, também estarão contribuindo com a sustentabilidade de mais de 30 famílias, vinculadas a Cooperativa Coopel de Taquara, que dependem da reciclagem desses lixos eletrônicos”, explica o Vice-Diretor Adm.Financeiro e coordenador do curso de Ciências Contábeis, Sérgio Nikolay. 

 

Matéria extraída do site da Faccat: https://www2.faccat.br/portal/?q=node/4705

 

Evento - Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)

por Michele Pisoni -

Evento ocorrido no dia 29/10, sobre a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) que entrou em vigor no Brasil no mês de Agosto. O bate-papo feito para os alunos de TI da Faccat teve cerca de 100 participantes, e abordou os inúmeros desafios, riscos e oportunidades que surgiram junto com essa nova lei.

 

Bate-papo sobre LGPD - Lei Geral de Proteção de Dados

por Michele Pisoni -

Nesta quinta-feira (29/10) teremos um bate-papo sobre LGPD - Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, para os alunos de TI da Faccat. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
LGPD - Lei Geral de Proteção de Dados entrou em vigor no Brasil no mês de Agosto. Inúmeros desafios, riscos e oportunidades surgiram junto com essa nova lei. Os riscos para as empresas que descumprirem essa lei são bem sérios:
  • Multa simples, de até 2% do faturamento líquido da pessoa jurídica de direito privado, grupo ou conglomerado no Brasil no seu último exercício, limitada, no total, a R$ 50.000.000,00 por infração.
  • Multa diária.
  • Bloqueio dos dados pessoais envolvidos na infração até a sua regularização.
  • Eliminação dos dados pessoais envolvidos na infração.
Quais empresas estão envolvidas? TODAS aquelas com as quais compartilhamos nossos dados pessoais:
"A LGPD cria um conjunto de novos conceitos jurídicos (e.g. "dados pessoais", "dados pessoais sensíveis"), estabelece as condições nas quais os dados pessoais podem ser tratados, define um conjunto de direitos para os titulares dos dados, gera obrigações específicas para os controladores dos dados e cria uma série de procedimentos e normas para que haja maior cuidado com o tratamento de dados pessoais e compartilhamento com terceiros."
 
 
O link para entrar na sala é: https://meet.google.com/dpn-daqb-rke
 
 
O evento será das 19:30 às 21hAssim, quem tiver aula nesse dia, terá aula normal após o término do evento (depois do intervalo).
 

É muito interessante que todos alunos de TI participem, para ficarem por dentro dessa nova lei!

XVIII Mostra de Iniciação Cientifica X Salão de Extensão, Pesquisa e Pós-Graduação

por Michele Pisoni -
Na noite de quarta-feira, do dia 07/10, ocorreu de forma online a XVIII Mostra de Iniciação Científica X Salão de Extensão, Pesquisa e Pós-Graduação. Tendo seu inicio às 19h30, a Mostra contou com apresentações de trabalhos de alunos dos cursos de Sistemas de Informação, Sistemas para Internet e Jogos Digitais da Faccat.    
 
Jogos Digitais
 
Título: Proposta de um Jogo para Praticar e Internalizar o Conteúdo de Grafos
Autor: João Paulo Arnold Barros
Orientador: Guilherme Schirmer da Costa
 
 
Sistemas de Informação
 
Título: Software para Auxílio na Aprendizagem de Caracteres da Língua Japonesa para Estudantes de Nível Intermediário Construído com Redes Neurais Profundas
Autor: Gerson Carneiro de Souza
Orientador: Francisco Assis Moreira do Nascimento
 
Título: Sistema Web Responsivo para Estabelecimentos de Estética e Congêneres
Autor: Rafael da Silva Streit
Orientador: Francisco Assis Moreira do Nascimento
 
 
Sistemas para Internet
 
Título: Framework para Padronização e Unificação da Identidade Visual de uma Empresa
Autor: Vinícius Willig Schlickmann
Orientador: Debora Cristina Engelmann
 
 

Professora Débora Engelmann, dos cursos de TI da Faccat, publica Artigos sobre Inteligência Artificial

por Michele Pisoni -
Os artigos da professora Débora foram publicados neste mês de setembro. Dois destes artigos foram publicados na Revista de Direitos Fundamentais e Tributação (RDFT) e um no congresso 4ª Escola de Verão sobre Argumentação 2020, que ocorreu no início de setembro.  
 

ARTIGO

Inteligência Artificial no apoio à tomada de decisões no Direito Tributário

Resumo: Os casos de aplicação da lei tributária no Brasil têm uma grande parcela de responsabilidade pelas altas taxas de congestionamento judicial. Para ajudar a acelerar a resolução desses processos, estão sendo desenvolvidos aplicativos baseados em técnicas de inteligência artificial. Sabendo-se que a área do Direito possui certa resistência à adoção de sistemas automatizados, está sendo trabalhado em uma abordagem explicável que mostre ao usuário qual raciocínio foi usado para chegar à conclusão sugerida, o que permite que os especialistas jurídicos sejam responsáveis por tomar a decisão final.

Sobre a Revista RDFT

A Revista de Direitos Fundamentais e Tributação - RDFT é vinculada Programa de Pós-Graduação em Direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUC/RS.A RDFT tem por objetivo ser um meio de divulgação, intercâmbio e debate da produção científica dos docentes, discentes e pesquisadores do Direito Tributário e Financeiro. O enfoque principal da revista está no estudo da temática do Direito Tributário e Financeiro sob a ótica dos Direitos Fundamentais. A RDFT pretende-se constituir um foro privilegiado de debate para a apresentação das pesquisas recentes da área e órgão disseminador do conhecimento e da informação à profissionais, acadêmicos, docentes e interessados.

Fonte: http://www.rdft.com.br/revista
 

ARTIGO

Direitos fundamentais dos contribuintes, administração tributária e inteligência artificial

Resumo: O objetivo é analisar se a esfera de proteção dos contribuintes pode sofrer modificações em virtude da utilização da IA na fiscalização exercida pela administração tributária. Nesta perspectiva, expõe-se a hipótese de uso da inteligência artificial pela fiscalização tributária, bem como estabelece a fundamentação da esfera de proteção do contribuinte nos direitos fundamentais. Ao final define-se que o uso de tecnologias como a analisada promove uma alteração hermenêutica dos direitos fundamentais de forma que a esfera de proteção dos contribuintes seja potencialmente modificada.

Sobre a Revista RDFT

A Revista de Direitos Fundamentais e Tributação - RDFT é vinculada Programa de Pós-Graduação em Direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUC/RS.A RDFT tem por objetivo ser um meio de divulgação, intercâmbio e debate da produção científica dos docentes, discentes e pesquisadores do Direito Tributário e Financeiro. O enfoque principal da revista está no estudo da temática do Direito Tributário e Financeiro sob a ótica dos Direitos Fundamentais. A RDFT pretende-se constituir um foro privilegiado de debate para a apresentação das pesquisas recentes da área e órgão disseminador do conhecimento e da informação à profissionais, acadêmicos, docentes e interessados.

Fonte: http://www.rdft.com.br/revista

 

ARTIGO

Conversational Agents based on Argumentation Theory and Ontologies

Agentes de conversação baseados na teoria da argumentação e ontologias

Resumo: O objetivo do trabalho é desenvolver uma abordagem que apoie o desenvolvimento de sistemas de diálogo baseados em agentes BDI (Belief-Desire-Intention) para auxiliar o ser humano na tomada de decisões. A abordagem utiliza técnicas da Teoria da Argumentação e Ontologias como base para diálogos em linguagem natural. O objetivo é tornar a abordagem adaptável o suficiente para que possa ser aplicada em vários domínios. Para avaliação da abordagem, será desenvolvido um sistema baseado em agentes para apoiar a alocação de leitos, e outro para auxiliar em processos relacionados ao Direito Tributário.

Publicação em congresso: Proceedings of The Fourth Summer School on Argumentation: Computational and Linguistic Perspectives (SSA 2020)
 

Sobre a 4ª Escola de Verão sobre Argumentação

A Quarta Escola de Verão sobre Argumentação: Perspectivas Computacionais e Linguísticas (SSA 2020) ocorreu de 4 a 8 de setembro de 2020. O local original foi Castiglione del Lago - PG de 4 a 7 de setembro e a Universidade de Perugia, na Itália, em 8 de setembro. A escola está co-localizada com a 8ª Conferência Internacional sobre Modelos Computacionais de Argumento (COMMA 2020).

É o quarto evento da série Summer Schools on Argumentation, a primeira Summer School on Argumentation aconteceu na University of Dundee em 2014 no Reino Unido, a segunda aconteceu na University of Postdam em 2016 na Alemanha, e a terceira na Universidade de Tecnologia de Varsóvia, na Polônia. O principal objetivo do SSA 2020 é fornecer aos participantes uma base sólida em aspectos computacionais e linguísticos da argumentação e as conexões emergentes entre os dois. Além disso, os participantes ganharam experiência no uso de várias ferramentas para análise e processamento de argumentos.

Fonte: https://ssa2020.dmi.unipg.it

 

Matéria extraída do site da Faccat: https://www2.faccat.br/portal/?q=node/4667
Tópicos antigos...