Novidades

Dojo de Programação de Computadores na Faccat

Dojo de Programação de Computadores na Faccat

por Prof. Dr. Marcelo Azambuja -
Número de respostas: 0

Um evento que tem atraído cada vez mais participantes apaixonados por tecnologia na Faccat é a TechParty. Neste último sábado (10/03), ocorreu a terceira edição. Apesar de recente, o evento sempre conta com novidades. Nas últimas duas edições, o que chamou a atenção e serviu para atrair mais pessoas é o "Coding Dojo" (Dojo de Programação). Esta atividade é muito prática, e visa envolver realmente os participantes.

Resumindo, um Coding Dojo é um encontro onde programadores se reúnem para resolver um desafio de programação. Mas o espírito é "aprendizado com diversão", melhorar as habilidades de programação e de trabalho em grupo. Este último Dojo foi feito utilizando a moderna linguagem de programação Ruby, além de também ser usado o RSpec como ferramenta de testes de codificação.

O nome veio das artes marciais. Dojo é o local onde se pratica alguma arte marcial japonesa, onde no tatame é feito um círculo e enquanto dois lutadores aprendem na prática, os demais aprendem olhando. Nos Dojos de programação a idéia é a mesma, enquanto duas pessoas estão codificando em um computador preferencialmente ligado em um projetor, as demais pessoas aprendem acompanhando o trabalho que está sendo feito. Mas em um Coding Dojo não existe competição de quem programa melhor. O espírito é ser colaborativo, se divertir e aprender.

O formato do trabalho é interessante e diferenciado: todos os participantes formam duplas. Um pessoa da dupla assume o posto de "piloto" do programa a ser desenvolvido, e a outra trabalha como co-piloto. Ambos pensam em como passar no teste atual, mas só o piloto digita. Cada par tem por volta de 5 a 10 minutos no seu turno. Quando esse tempo acaba, o co-piloto assume como piloto e uma nova pessoa da platéia assume como co-piloto, e assim todos tem a oportunidade de participar ativamente no trabalho. A platéia vai acompanhando, pelo projetor, o trabalho de cada dupla, até que cada pessoa da platéia assuma o posto de co-piloto e piloto. Mas ninguém é obrigado a participar dos trabalhos de programação, há quem participe do evento e fique apenas acompanhando todas as atividades, até que em uma próxima edição esteja mais
familiarizado e encorajado a praticar.

O início da 3a. TechParty contou com quatro pequenas apresentações introdutórias de assuntos diversos, não passando de quinze minutos cada apresentação, a fim de dar dinamicidade ao evento. Logo após, teve início a dinâmica do Coding Dojo.

Paralelo a tudo isto, como é tradicional entre programadores, muito café, e até salgadinhos e biscoitos trazidos pelos próprios participantes. A ideia é criar um ambiente realmente descontraído, mas com reais resultados de aprendizado. Uma observação muito interessante sobre o evento é que tudo é organizado pelos próprios alunos do curso de Sistemas de Informação e Sistemas para Internet da Faccat, contando com o apoio da Coordenação do Curso.

A próxima TechParty e Coding Dojo já tem data marcada, será no dia 14 de abril (sábado) às 14h. O evento é gratuito e aberto a toda a comunidade. Informações podem ser obtidas no site do curso de Sistemas de Informação da Faccat (http://fit.faccat.br).